Saiba tudo sobre a história do VoIP no Brasil e no mundo

Saiba tudo sobre a história do VoIP no Brasil e no mundo

A história do VoIP (Voice over Internet Protocol) está intimamente relacionada à transformação tecnológica que vivemos nas últimas décadas, com a globalização da economia e a diminuição das distâncias por conta do uso da Internet, advento que vem conectando pessoas e, principalmente, negócios em todo o mundo.

No entanto, para que a tecnologia VoIP pudesse chegar a esse estágio atual, três grandes invenções tiveram de se desenvolver: o telefone, a Internet e, talvez o mais crucial, o Protocolo de Internet (IP).

Neste post, você vai aprender tudo sobre a história do VoIP no Brasil e no mundo e saber como essa tecnologia pode oferecer diferenciais competitivos para o seu negócio. Acompanhe!
 

Qual a história do telefone?

Os primeiros telefones inventados no ano de 1870 por Alexander Graham Bell e Elisha Gray, inicialmente, para funcionarem, exigiam um operador em uma central telefônica para retransmitir as chamadas. Em meados de 1900, temos um grande avanço, quando a AT&T acrescentou os botões de toque nos telefones. Essa melhoria possibilitou a digitalização das chamadas, eliminando a necessidade de um operador para intermediar as ligações.

Outro avanço aconteceu quando o governo dos EUA quebrou a patente da AT&T, e como resultado, a população teve acesso à compra de seus próprios telefones. A desregulamentação do telefone também possibilitou mais criatividade, com o uso de novos designs.
 

Qual a história da Internet?

Em meados da década de 1960, a Internet apareceu pela primeira vez, mas ainda não era a Internet que conhecemos hoje. Ela surgiu como Rede de Agência de Projetos de Pesquisa Avançada (ARPANET), idealizada pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos.

Foi utilizada como uma estratégia para fornecer comunicações entre o departamento e as forças armadas dos EUA. Somente a partir de 1980, com a crescente popularidade das redes entre empresas, é que a Internet passou a fazer parte da vida dos cidadãos.

É nessa época que o computador pessoal (PC) ficou conhecido e os proprietários dessas máquinas podiam se inscrever em um Provedor de Serviços de Internet (ISP), discar em suas redes por meio de linhas telefônicas e pagar por hora de uso. No entanto, esse recurso ainda era muito lento e, em 1989, veio a invenção do Hypertext Transfer Protocol, ou HTTP.

Outro ponto marcante foi quando Tim Berners-Lee e um grupo de pessoas no CERN inventaram a Universal Resource Locator, ou a URL. Assim, vieram a ser os fundamentos da World Wide Web (WWW), tecnologia capaz de conectar o mundo ao clique de um mouse.
 

Qual a história do Protocolo de Internet (IP)?

Há mais uma peça de quebra-cabeças deixada antes do VoIP, que é o Protocolo de Internet, ou IP. Inventado em 1972 pelo Dr. Vint Cerf, o Protocolo de Internet (IP) define como a informação viaja entre computadores. Após essa invenção, surge o VoIP.
 

Qual a história do VoIP e o que é?

O VoIP foi desenvolvido em torno de 1995 e, a princípio, era uma alternativa para chamadas de longa distância e internacionais. Em menos de 20 anos, essa ferramenta revolucionou a comunicação global. Tecnicamente, essa tecnologia é o roteamento de conversação telefônica que faz uso de algum tipo de rede de computadores com base no Protocolo de Internet (IP) como meio de transmissão.

O IP possibilita que o transporte de voz seja mais uma das ferramentas abrigadas pela rede de dados utilizando a conversão do sinal de voz analógico em pacotes de dados. Portanto, VoIP é uma tecnologia que torna possível fazer ligações telefônicas utilizando uma rede de dados da Internet ou local. Para isso, é possível usar aparelhos telefônicos convencionais, smartphones, ou mesmo o computador com suporte a tráfego de dados.

Assim, o VoIP já faz parte do dia a dia de muitas pessoas, já que tecnologias, como chamada via Google Talks, Skype e WhatsApp, são possíveis graças à tecnologia VoIP. Além disso, algumas operadoras e muitas empresas utilizam links de voz digital.
 

Onde surgiu a tecnologia VoIP?

Uma empresa Israelita, em 1995, chamada “VocalTec Communications”, desenvolveu um projeto de digitalização da voz. O objetivo era estabelecer transmissão entre dois computadores, mas a qualidade do serviço era muito ruim. Deram a esse software o nome de “Internet Phone Software”.

Os gateways surgem em 1998 e esse recurso foi um grande avanço, pois possibilitava realizar transmissões dos pacotes de voz para a rede telefônica convencional. Essa tecnologia despertou o interesse de investidores que começaram a apostar em projetos para que as ligações tivessem o menor custo possível.

No ano 2000, algumas empresas desenvolveram hardwares direcionados para VoIP, o que tornou essa tecnologia menos dependente de computadores, configurando um grande avanço, já que, anteriormente, todo o processamento da digitalização da voz era feito pelo computador.

Desde então, a tecnologia VoIP é processada nesses dispositivos, o que diminui a incidência de falhas. No entanto, isso não extinguiu o uso de softwares para computador. Ao contrário, apenas aumentou o leque de opções de uso.
 

Qual a história do VoIP no mundo?

Com o seu aprimoramento, a tecnologia VoIP conecta pessoas a um preço acessível em todo o mundo. Em 2003, esse recurso já representava 25% das chamadas de voz nos Estados Unidos da América (EUA). A Internet de banda larga otimizou o recurso e tornou o ambiente virtual multitarefa: é possível falar ao telefone, navegar e jogar ao mesmo tempo. Nesse cenário, as empresas reconheceram o valor da tecnologia para baixar o custo de suas operações e diminuir distâncias.

Em 2003, também foi criado o Skype, ferramenta que torna possível fazer chamadas de voz com o IP (na época, elas eram feitas pelo computador) sem precisar pagar nada. Em 2005, o Skype incluiu as videochamadas, e isso tornou a ferramenta ainda mais popular — tanto que, hoje, quase não existe quem não conheça o sistema, que abriu espaço para outros softwares semelhantes.

Em um comunicado de imprensa da Juniper Research, a companhia relatou que a quantidade total de usuários de VoIP móvel em 2017 seria de 1 bilhão — e isso considerando apenas usuários de VoIP móvel — o que dá a dimensão do crescimento do setor no mundo.
 

Qual a história do VoIP no Brasil?

Acompanhando a tendência global, a tecnologia VoIP entra no Brasil mais fortemente em meados de 2007. Na época, previa-se, em uma pesquisa realizada pela empresa “SuperCom Digital”, que 68% das empresas brasileiras adotariam o VoIP até o final daquele ano.

O sucesso dessa tecnologia se consolidou pelo baixo custo de investimento e pela alta qualidade do serviço e, atualmente, o VoIP não é apenas uma questão de economia para as empresas brasileiras, mas também sinal de conveniência.

Quer saber mais sobre como o VoIP pode ajudar a diminuir despesas? Confira nosso post sobre tecnologias para a redução de custos.
 

Por que a tecnologia VoIP é importante?

Em um mundo cada vez mais conectado, soluções eficientes são fundamentais para garantir a boa comunicação e globalizar empresas, assim como economias. Dessa forma, a acessibilidade é o grande ponto positivo da comunicação utilizando o VoIP. Qualquer pessoa que viaje pelo mundo pode receber e realizar chamadas usando a tecnologia no seu celular, desde que conectado à Internet.

O usuário tem, à sua disposição, uma comunicação rápida e barata, tornando-se um fator decisivo nas empresas, além de facilitar a comunicação empresarial nos âmbitos internos e externos. Portanto, perder um negócio por falta de comunicação, agora, é coisa do passado.
 

Como a tecnologia VoIP funciona?

Basicamente, o VoIP pode funcionar de duas formas: ligação de computador para computador e computador para telefone fixo ou celular. Quando você faz a ligação de um computador para o outro, a conversa acontece por meio de um microfone ou headset. O som é transformado em dados binários e enviado utilizando a Internet.

Já quando a ligação é realizada de um PC para o celular ou telefone, o áudio também é transformado em dados binários e enviado pela Internet até chegar a uma central telefônica, em que é transformado em sinais analógicos — que é o sinal que esses equipamentos recebem.

Também é possível fazer uso de um adaptador chamado de ATA (adaptador telefônico analógico). Funciona assim: quando você começa a discar os números, o adaptador converte os sons e armazena-os de forma temporária em forma de dados digitais. Esses dados são lançados para a central telefônica que verifica se as informações estão em formato válido e determina para onde esses dados devem ser lançados. Assim, os dados são traduzidos e convertidos para um endereço de IP.

O dispositivo que está fazendo a ligação e o que está recebendo ficam conectados. Um sinal é enviado para o ATA do número que receberá a ligação, e isso faz com que o aparelho toque. É quando é atendida e iniciada uma nova sessão entre os telefones. Ao terminar a conversa e desligar o telefone, o ATA fecha a ligação, encerrando, assim, a sessão.
 

Quais as vantagens da telefonia VoIP?

Listamos as principais vantagens da telefonia VoIP para você. Acompanhe!
 

Fácil instalação

Todo o sistema VoIP faz uso de cabeamento de rede já existente, permitindo uma rápida implantação.
 

Melhora da comunicação interna

O VoIP viabiliza chamadas para que elas possam ser transferidas de forma fácil de um telefone para outro utilizando ramais. É possível até transferir de uma filial para a outra, mesmo que elas estejam em locais distintos. Essa transferência de chamadas é feita sem ônus adicional na conta de telefone.
 

Integração da comunicação externa

O VoIP torna mais fácil a integração com outros tipos de softwares.
 

Informações para a tomada de decisões

O VoIP traz o recurso de gravação de chamadas. Com ele, é possível controlar toda a equipe de atendimento e outros colaboradores para verificar se os protocolos de atendimento estão sendo seguidos. Você pode controlar e otimizar a espera telefônica, controlar o tempo médio de espera e ouvir as demais ligações, sem que o cliente saiba o instante em que ele está sendo monitorado.
 

Segurança

Chamadas indesejadas não são bem-vindas e, com o sistema VoIP, é possível bloqueá-las.
 

Locomoção

Os telefones VoIP podem mudar de local com facilidade, já que não precisam de cabos de telefone, e você permanece com o mesmo número, mesmo que mude de endereço.
 

Liberdade

Diferentemente das telefonias convencionais, a telefonia empresarial disponibilizada pelo VoIP não obriga você a ser fiel a um tipo de plano. Os contratos de serviço em longo prazo, com assinatura por linhas, são quase inexistentes nessa modalidade.
 

Como contratar uma empresa para implantar o VoIP?

Contratar uma empresa especializada em VoIP é uma forma de conquistar melhoras na qualidade das ligações, reduzir os custos com a telefonia tradicional e, ainda, ter maior visibilidade de atuação. O serviço também auxilia a melhorar a operação da empresa, principalmente com relação à comunicação. Além disso, favorece a integração de setores, filiais e amplia a competitividade.
 

Conheça quais são os recursos disponíveis

O primeiro passo para contratar uma empresa VoIP é compreender quais são as suas reais necessidades.

Alguns recursos podem ser ativados após o cliente contratar o serviço, se houver necessidade, como no caso do número 0800, que pode ser fechado à parte. O que você precisa verificar é se o serviço está alinhado com suas necessidades.

Um dos diferenciais de poder contar com a tecnologia VoIP é poder integrar a tecnologia e os meios de comunicação do seu negócio. Isso é possível por meio da análise de relatórios e da mobilidade da nuvem, utilizando gravação de chamadas, por exemplo.
 

Avalie os planos oferecidos

Ao contratar um plano VoIP, é importante avaliar a quantidade ideal de ramais. Caso sua empresa seja de pequeno porte, precisará de poucos ramais.


Estude o custo-benefício

Como mencionamos no início deste conteúdo, um dos motivos para utilizar a telefonia VoIP é que ela auxilia na diminuição de custos. Para que isso aconteça, é fundamental ter um serviço com valor atraente e que auxilie a reduzir as despesas operacionais. Contudo, a qualidade tem um preço.

Assim, é preciso avaliar o custo-benefício, identificando quais são os recursos oferecidos pela empresa de VoIP. Mensure o que você precisa, e a economia que será gerada em médio e longo prazos. Ao avaliar a relação entre o custo e os benefícios, você chegará ao denominador que traz um preço justo e compatível com as expectativas do seu negócio.

Conhecer a história do VoIP é fundamental para compreendermos como essa tecnologia mudou as nossas vidas e faz parte da nossa rotina todos os dias. Apesar de ser uma ferramenta ainda relativamente jovem, o VoIP está cada vez mais presente nas empresas, oferecendo diferenciais competitivos para os negócios e conectando pessoas em todas as partes do mundo.

Atualmente, para assegurar a sobrevivência e o crescimento da empresa, é preciso otimizar produtos, serviços, processos e pessoas, independentemente do seu segmento de atuação. Nesse cenário, para garantir uma performance competitiva, é preciso otimizar os recursos, ou seja, não dá para jogar dinheiro fora!

Assim, o VoIP chegou ao ambiente empresarial como um forte aliado dos empreendedores que almejam aproveitar o máximo do seu orçamento e também do recurso mais valioso que temos: o tempo. E tudo isso sem deixar o profissionalismo e a qualidade de lado.

Portanto, flexibilidade, mobilidade e produtividade são fatores de ordem no atual mercado das redes de comunicação. A tendência da tecnologia VoIP já faz parte das empresas e não há mais volta, principalmente para aqueles empreendimentos que almejam uma melhor comunicação com o mundo.

Agora que você já sabe tudo sobre a história do VoIP, não vai querer ficar para trás e abrir mão dessa qualidade de comunicação e possibilidade de economia, não é mesmo? Com o VoIP, você consegue manter o equilíbrio das contas da empresa e, assim, pode investir em outras áreas do negócio que demandam atenção.

Se você gostou deste post sobre história do VoIP no Brasil e no mundo, conheça a IP Force e qualidade do nosso Pabx Virtual.


03 de Dezembro de 2018

Outras notícias

Guia completo sobre PABX para pequenas e médias empresas

Na medida em que os negócios crescem, a complexidade das necessidades de telecomunicações aumentam, pois passa a ser necessário um suporte maior a um número de clientes crescente e também novas ferramentas para aumentar sua satisfação.

Saiba mais

Como escolher o fornecedor de PABX?

A relação entre a empresa e seus fornecedores deve ser pautada pelo respeito, transparência e profissionalismo e, apesar de existirem no mercado inúmeras opções, é preciso considerar alguns diferenciais que somente uma empresa com expertise e procedência pode oferecer.

Saiba mais

Software para PABX: conheça as funcionalidades!

Uma das grandes vantagens dos sistemas privados de telefonia é o uso do software para PABX. Isso porque ele conta com diversas funcionalidades que o permitem ir além do atendimento telefônico tradicional, como uma escalabilidade rápida, facilidade de acompanhamento de resultados etc.

Saiba mais

Saiba como funciona PABX na nuvem

Empresas de todos os setores e tamanhos já contam com sistemas PABX, que são centrais utilizadas para comandar linhas e ramais telefônicos, tornando a comunicação da instituição mais eficiente.

Saiba mais

Nosso site utiliza cookies para criar uma melhor experiência de navegação para você. saiba mais

Ok